Curta

28 de jan de 2011

Você vai assumir meu filho?


Conversando com amigos e amigas dias atrás percebi que, ainda hoje, vivemos em um mundo extremamente machista.

Eu sou meio Polyana, cismo em usar óculos com lente cor-de-rosa e aí acabo tendo uma visão meio que embaçada da realidade.

Você deve saber que ando à caça... Se não, leia os textos mais antigos e se inteire do assunto.

A questão é a seguinte:

Quando nos relacionamos com alguém o passado é revirado. Temos uma crença de que com o conhecimento dos atos pregressos, poderemos prever os atos futuros do sujeito em questão.

Aí não sossegamos enquanto não passamos em revista todos os ex-casos de nosso atual caso. O mesmo ocorre com eles.

Acontece que homem tende a ser inseguro e não curte muito essa coisa de ser comparado com outros homens.

Você tendo um filho ao lado já tá exibindo um outdoor “Tive minha cota de experiência”.

O Fulano pensa: - Puts, ela vai me comparar com o ex.

Mas não acaba aí!

Além do medo da comparação, o Fulano que acabou de te conhecer pensa assim:

“Nossa, essa mulher é linda, inteligente, bem humorada, carinhosa, parece ser uma pessoa confiável. Tudo bem, eu até aceito ela ter tido outros homens na vida dela, até porque sou bem melhor do que eles. Se for me comparar, vai ver que sou “o cara”. Mas ela tem um filho. Não vou ficar com uma mulher para assumir filho de outro.”

Neste momento deixamos de ser o objeto de desejo do Fulano e nos tornamos apenas “mãe de um filho de outro cara”.

Num momento de indignação, venho aqui proclamar em nosso nome o seguinte protesto:

Meu filho, saca essa: Eu não quero que você assuma meu filho. Ele tem pai. Mesmo que esse pai seja apenas o produtor do espermatozóide, ele tem. Se tá registrado só no meu nome é porque eu quis assim e não é você que vai mudar isso. Você não tem que assumir nada além de um relacionamento comigo. Mas, pensando bem, não assume não. Porque eu não quero um “cara” tão imaturo e machista como você.

Protesto feito, discorro mais sobre o assunto.

Deixando de lado os óculos cor-de-rosa, já vivi situação inversa da que me encontro: namorei muito tempo um rapaz que tinha uma filha (oposta não, porque estou solteira, sem namorado, mas você entendeu, né?).

Não era fácil lidar com a situação, até porque eu era imatura na época. Eu sentia ciúmes da menina, ela sentia ciúmes de mim e o coitado tinha que se virar nos trinta para dar conta das duas. A cada quinze dias nosso final de semana era programado em função da criança. Seis dias por mês tínhamos a presença dela. Mas restavam vinte e quatro!

O namoro terminou porque o amor acabou (e o respeito também) e a menina não teve influencia nenhuma nisso.

Tudo bem que nós mulheres somos seres humanos mais evoluídos e acreditamos que pessoas agregam. Ao contrário dos machos que vêem em nossos filhos motivos de exclusão.

Mas, vamos combinar: - se você tem um paquera que acha que seu filho é um problema, dá um pé na bunda do infeliz e manda pra terapia ou pra vida, pois tá precisando amadurecer um pouco – ou muito.

Hoje nosso mundo é tão excessivo, tão consumista, tão descartável... Ok, o mundo não é descartável, nem consumista, nem tem nada em excesso. Ele tá sempre ali dando suas voltinhas em torno do sol, tranquilinho, só esperando a próxima Era chegar (tá chegando a das águas. Quanta chuva!). 

Foi mal.

Hoje NÓS vivemos uma cultura do imediatismo, do consumo pelo consumo, do descartável. E acabou que isso saiu das prateleiras de mercados e vitrines de lojas e veio pro nosso lado. As pessoas acabam se tornando descartáveis também.

Ninguém está muito afim de “perder” tempo construindo relações. Se adequar a elas então, nem pensar! Ou meu relacionamento vem do jeito que eu programei, com o tipo de pessoa que se encaixa no que planejei ou não vai rolar, mesmo que eu tenha curtido demais.

Na realidade ninguém planeja, quando criança, ter uma relação com uma mulher mãe de família (uniparental, ma ainda assim família!) e quando conhece uma mulher maravilhosa como você, desiste assim que você diz que tem um pimpolho em casa, te esperando.

Eu sei, porque tenho passado por isso algumas vezes, depois de Lipe.

Aí penso em largar de vez meus óculos rosa e desistir de homens e viver única e exclusivamente em função do meu rebento.

Mas aí penso que nem todos os homens são tão imaturos assim, que todos os relacionamentos têm suas especificidades e que não é impossível encontrar alguém que pense como eu.

Acredito que vamos evoluir, pois é a ordem natural, e que um dia viveremos em uma sociedade mais harmônica e menos preconceituosa. Acredito que alguém (espero que seja um macho da espécie) vai ver meu filho como vejo:

Uma benção que só faz agregar alegria aos privilegiados que podem compartilhar de sua linda vida – sendo honesta, ele está irritantemente birrento esses dias.

E que este macho homo sapiens entenda que seu papel não é assumir uma paternidade, mas fazer parte do que já existe.

Quer saber? Vou continuar caçando!

Com lentes cor-de-rosa.



Um P.S. para você entender nosso site:

As histórias tem um pouco de ficção e um pouco de veracidade. Pensamos em escrever sobre a vida de uma mãe solteira levando em conta muito humor (ainda que sarcástico) e levantando questões mais delicadas, buscando dividir nossos conhecimentos com você. Ser mãe solteira não é, de fato, um problema. Somos nós que, às vezes, nos deixamos rotular.

Escreve pra gente e conta sua história. Ela pode ser publicada no site e ajudar outras mulheres a entender que não estão sós.

67 comentários:

  1. Ahahahahahah!!! imaturo???? Ou esperto? Com tanta mulher linda e sem filho no mundo, só mesmo um nerd otário e pega-ninguém para se iludir com mãe solteira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. realmente, elas usam o que tem de melhor na juventude e depois que cassar um otário provedor

      Excluir
    2. Falou e disse parceiro.... é isso ai mesmo !

      Excluir
  2. O pior que quando não tinha filho nenhum o imediatismo, quem era fraco era invisivel, a vida era farra, depois do filho e das primeiras dificuldades o discurso muda da água para o vinho e o homem que não tem recursos é que acaba bombardeado por esses argumentos, pois quem pode ter o melhor acaba sendo blindado por suas inúmeras opções.

    É por essa razão que tem muitos homens que atravessam a rua quando há possibilidade de relacionamento com uma mãe solteira.

    ResponderExcluir
  3. O fato é que 99% das mulheres com filhos têm essa expectativa que o próximo marido "assuma" os filhos, emocionalmente e financeiramente.

    E a maioria é tão burra que trata de deixar isso claro logo no começo do relacionamento. Forma mais eficiente de espantar um novo namorado não há.

    ResponderExcluir
  4. As mamaes solteiras, são mulheres. E a maioria esmagadora das mulheres dividem os homems em: A) Homems que aceitam e pensam EXATAMENTE da melhor maneira que convem na situação especifica que a mulher em questão esteja ou B) Machistas imaturos atrasados e frios.

    Para por ai.

    Esta por si só é uma classificação imatura até dizer chega. Olha, um homem pode ter outros interesses, outros ideais... tem todo o direito de querer SIM uma mulher solteira sem filhos... admiro uma mae solteira, de verdade, mas sinto muito, não para uma relação... Não é certo, nunca vai da certo alias, empurrar responsabilidades nas costas de outras pessoas, menos ainda qualificar de imatura uma pessoa que não aceite isso... concluindo: Um post preconceituoso, feminista e interesseiro.

    Sem mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou mulher, e sinceramente, acho que não funciona assumir compromisso com alguém que já tenha filho, nem homem com filho e nem mulher com filho. Acho que quem tem filho melhor ter um compromisso com o filho, por um bom tempo, até esta criança ser independente.

      Excluir
  5. Eu namoro uma mulher que é mãe de duas filhas, apesar de não me chamarem de PAI eu tenho uma relação de pai com filhas e elas me tratam como pai, temos uma relação bem legal e sadia apesar do pai dela querer ver o capeta na sua frente mais não querer me ver nós vamos vivendo nossa relação de uma forma bem legal.Não é fácil fazer isto, o homem tem que ter uma certa maturidade e respeito ao próximo para encarar um relacionamento assim.
    Tive um colega que assumiu uma mulher com um filho e teve outro filho com ela,lembro que ele sempre tratava as crianças de forma diferente chegando ao ponto de comprar um chocolate para seu filho legitimo e não dar nada para o filho da sua mulher, acho um absurdo isto... Se o homem não tem maturidade para isto não assuma uma mulher com filhos.
    Não me vejo melhor que ele em nada, mas não concordo com este tipo de atitud

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns pela atitude. Quando o objetivo na vida é ser feliz devemos sim ser responsáveis em assumir a família...mae solteira e os filho! Quando você ama não importa se tem inúmeras mulheres sem filho...

      Excluir
  6. Não tenho nada contra mulheres mães solteiras, mas existem muitas com ilusões de arrumar um princípe encantado para tomar conta dela e dos filhos...os homens estão mais espertos e sábios!

    ResponderExcluir
  7. Para mim seria impossível casar com uma mulher com filho de outro. Eu ficaria dividido entre a bronca de sustentar filho de outro e o senso de justiça de proporcionar o mesmo para filho e enteado. Preferi não ter de lidar com este paradoxo.

    Talvez seja uma incapacidade minha, e talvez eu esteja ignorando a "terceira via" de não se achar no dever de substituir o pai do enteado, mas o fato é que, na prática, todo cara que casou com uma mulher com prole, acabou tendo de ajudar a sustentar esta prole. Então é uma terceira via mais teórica do que prática.

    Isto tudo talvez prove que o ser humano deveria ter ficado no estágio tribal, onde todo mundo cuida da criação de todas as crianças. Evitaria esta baboseira toda e cumpriria igualzinho o objetivo final que é propagar a espécie.

    ResponderExcluir
  8. O que mais me impressiona até hoje, é como os homens mudam o olhar pra gente qdo descobrem q somos mães solteiras, parece q estampa na testa "sexo fácil", não pretendo arrumar um "pai substituto" para o meu filho, mesmo pq no momento prefiro cria-lo sozinha, do que expor ele a convivência de uma pessoa que não sabemos por qto tempo irá permanecer, e causar nele a mesma sensação de abandono q ele teve com o pai.
    A sociedade deveria nos olhar com outros olhos, pq estamos lutando sozinhas para que nossos filhos tenham uma boa criação e educação, e os homens tem que parar com essa mania de achar q estamos procurando um caixa forte e não um homem decente para termos ao nosso lado.
    Fica registrada a minha admiração aos homens maduros o suficiente para entenderem isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É porque é que o pai se foi embora? Porque é um homem muito maduro que quando se acabou a foda boa dá o baza. Agora outro merdas que fique com a parte da foda fodida. E quando andavas a ser fodida por ele? N sabias com quem andavas metida? Imaturo é quem faz um filho a alguem e depois o abandona. Isso sim é imaturidade! E assim como voces têm o direito a escolher por quem querem ser fodidas nós temos o direito de escolher se queremos bancar o palhaco que fica com a foda fodida!

      Excluir
    2. hahahahaha muito bem, falou tudo!

      Excluir
    3. VOCÊS PROVAVELMENTE SÃO FRUTOS DE UMA FODA FUDIDA HAHAHAHAHAHAHA IDIOTAS!!!

      Excluir
  9. Hello SOS MOM....
    Bem acho que existem realmente homens que não estejam prontos para assumir um filho que não seja dele. Porém isso eu trato como um caso parecido, eu estava casado com uma mulher, onde o pai biológico não queria assumir, eu assumi... cuidava da criança como sendo a minha filha... mas após o divórcio o pai biológico quer assumir.
    O divórcio não foi e nunca será pela criança, porém de coração apertado temos que também deixar um pai querer ser pai. Infelizmente não querer assumir um filho de um parceiro ainda é egoísmo dos 2 lados... por não entenderem que todos tem vidas distintas e separadas, nós estamos apenas tentando juntar as 2 vidas de passados distintos para um futuro juntos. Este pensamento deve ser lembrado e entendido como... "SE GOSTA DE VERDADE... NÃO PRECISA PEDIR ... O COMPANHEIRO(A) IRÁ ASSUMIR OU AJUDAR A SER UM PADRASTO/MADRASTA"
    See ya darling.

    ResponderExcluir
  10. Muito claro simples e directo. Quando as mulheres andam a ser comidas pelos depois pai que não assumem ou abandonam os filhos tratam os homens que consideram inferiores como se fossem uma merda. Depois de terem um filho no buxo e sem pai para os sustentar essas mesmos merdas já passam a ser uma alternativa viável para sustento e afins. Mulheres assim desculpem mas vão todas à merda e pra puta que as pariu! (depois veem com a conversa da puta da maturidade e o caralho...)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VC é um broxa sem noção mesmo

      Excluir
  11. Nao adianta discutir, realmente eh muuuito complicado, acho que a Mae solteira deve primeiro ser totalmente independente financeiramente, ate pra nao deixar desconfortável o seu namorado, mas, inevitavelmente esse homem terá que assumir uma responsabilidade que nao lhe competia caso queira ter essa mulher, bom, soh mesmo por amor a essa mulher (e ao(s) filho(s) dela) pra dar realmente certo esse relacionamento.

    ResponderExcluir
  12. Tudo bem que a discussão é sobre relacionamento com mãe solteira. Mas, como a questão tem praticamente os mesmos efeitos para o homem, gostaria de falar sobre mulher com filho de outro casamento. Acreditem, por mais maturidade que tenha o homem, e longe de ser machista, é um dilema de tirar o sono. Minha namorada é ótima, linda, ideal. Tem uma filha de 15 anos, também linda. Todos nos damos muito bem. Então qual o problema? O problema é que o amor de mãe é incondicional. Ela faz qualquer coisa pelo seu filho, qualquer coisa mesmo. Sempre, sempre mesmo, que tiver que fazer uma escolha, ela vai beneficiar o filho, mesmo que isso prejudique o homem que ela ama. Isso vai desde uma escolha de restaurante à escolha do período de férias. Acreditem, os amiguinhos da escola do filho são mais importantes que a sua promoção no emprego. E por aí vai... Ainda que ela ceda muitas vezes no começo do relacionamento (pra ganhar a confiança do homem), muito em breve ela começará a mostrar esse lado. Não acreditam? Paguem pra ver.

    ResponderExcluir
  13. odair eu nao tenho nada contra mae solteira pois minha ex era mae solteira ela tinha 3 filhos que os criei como se fosem meus hoge tenho orgulho pois formei uma em cirugiã dentista a outr em direito e o mais novo esta na alemanha estudando engenharia ho0je estou sozinho e procuro uma linda mae solteira so quero amala e ser amado se vc mae solteira se enteresar mandeme email para odair_car@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "hoje estou sozinho e procuro uma linda mae solteira so quero amala e ser amado se vc mae solteira se enteresar mandeme email para odair_car@hotmail.com"

      Lastimável.
      Você age como um velho sem capacidade de conquistar uma mulher.
      Não desmerecendo as mães solteiras.
      Tena atitude de um Homem de verdade, e vá conquistar uma mulher cara a cara, não banca o "Mangina".

      Excluir
  14. Quando me separei no dia 02/12/2008,coneheci uma garota pela internet,ela mora em caete e eu em belo horizonte,nos conhecemos trocamos tel e marcamos de nos conhecer pessoalmente,ela veio aki em belo horizonte e começamos a ficar e namorar.Ela tbm tinha acabado de terminar seu namoro,nos se conhecemos no dia 21 de março de 2009.Quando foi em maio deste mesmo ano a mae dela desconfiou q sua barriga estava crecendo,desconfiando q estava gravida de mim, mas ela fez o teste de gravidez no laboratorio e deu positivo sua gravidez,so q nao era meu eu falei p ela ligar p seu ex e falar q estava gravida dele, so q ele falou q nao ia registrar filho nenhum pq ele tinha chamado minha mulher de vagabunda q o filho nao era dele q so ia registrar se ela voltasse p ele.Ele agredia ela cosntantemente so q sua mae nao acreditava nisso e ela ate foi abusada sexualemnte por ele(ela falou q ele tinha estrupado ela)E Quando ela terminou o namoro com ela,ele bateu nela e ela pegou uma faca p ele,ai ela ficou com hematomas ai foi q o pai dela ficou sabendo disso e dps ele nunca mais apareceu .NO momento eu ia terminar o namoro com ela,pq a minha outra ex mulher tbm tinha um filho de 8 anos e era muito complicado,fiquei uma semana sem falar com ela, mas resolvi ficar com ela pq eu gostei muito dela e passei ama-la muito de verdade,fiz de tudo por ela enxoval do bebe,cha de bebe,acompahei em todos os pre-natais,levei ela p hospital p ganhar o bebe,busquei na maternidade e registrei ele como meu filho, apesar de nao ser o pai biologico,batizamos o nosso filho,fizemos festa de aniversario de 1 ano,foi eu quem escolhi o nome dele tbm, ja no segundo ano nao fiz festa pq estava cheio de dividas pq eu e minha namorada resolvemos morar juntos ai imobiliamos toda uma casa e fomos morar de alugeul,mas sem passar por nenhuma dificuldade,eu fiz de tudo por ela e meu filho e dps em 2012 fomos morar em caete.Amo muito esse meu filho e nao tem nada nesse mundo q me tira esse direito.Me separei recentemente,conversei com minha ex mulher e tinhamos combinado tudo sobre o nosso filho,dividimos os bens materias falei q faria um plano de saude p meu filho,deixaria tbm meu cartao alimentaçao p ele e daria tbm uma quantia em dinheiro,ela aceitou e os dias q eu pedi p ficar com meu filho( pedi p ficar com ele uma semana q entrasse meu pagamento do meu tarbalho e ela ficaria com o restante do mes)so q ela mudou de ideia nao queria mais o q nos combinamos.Queria q eu so vesse meu filho de manha e devolvesse ele no final do dia.Ai eu entrei na justiça p poder ficar com ele tbm,so q nesse problema todo ela me falou q o pai biologico a procurou e queria reivindicar a paternidade do meu filho,falei com ela q eu ano aceito pq quando ela falou com ele,ele nao quis saber do meu filho,quem passou por tudo com minha ex mulher foi eu e quando meu filho ficava doente quem sempre esteve com ele era minha mulher e eu agora ele chega e quer ser o pai de meu filho,essa pessoa deve achar q eu vou aceitar isso,nem se ele for p justiça eu nunca vou aceitar isso,pq homem q e homem assumi sua responsabilidade.E mesmo sabendo q ele nao era meu filho,eu dei todo meu amor e carinho p ele.Agora q ele esta com 2 anos e 9 meses e esta muito lindo e crescido,agora vem esse imbecil querendo dar pai arrependido,p mim nao cola.Vcs nao sabem como eu estou indignado,pq minha ex falava q nao queria saber dessa pesssoa procurando ela p saber do meu filho e agora ela esta querendo q essa pessoa conheça meu filho.Peço a DEUS q me de muita força e sabedoria p lhe dar com isso,pq DEUS VAI ESCREVER POR LINHAS CERTAS P MIM,tenho fe nisso.Me desculpem pelo desbafo OBRIGADO BOA NOITE.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vou meter a REAL agora:

      Mãe solteira com filho, não é nada mais que uma Gozada Ambulante do Cafajeste irresponsável, vagabundo, marginal, analfabeto, moleque que ela se encantou com toda a sua sua ilogicidade e mau-caratismo;

      Mas que ela aguentava de bom grado no alto de sua juventude sua carne macia, coxas firmes, pele sedosa, CU estreito e apertado, seu cabaço intacto; apenas pelas emoções fortes, sexo gostoso e surras emocionais/físicas; tudo em nome da emoção de merda.

      É a ESPORRADA AMBULANTE de um desonrado, que VOCÊ terá a incumbência de criar, seu filho da puta!

      Arcar com as despesas médicas, hospitalares, educacionais, alimentares, físicas, mentais, emocionais, acadêmicas, lazer, vestuário de uma ESPORRADA de um cafa que estará rindo da sua cara!

      Agora que ela (como o bandido tem certeza da impunidade) está caída, flácida, larga, velha, acabada, zuada, fudida, lascada num emprego de merda; arruma um cabaço, carente, tanso pra assumir o ESPERMA ambulante de outro; um simples step financeiro pra ajudar a criar o filho do cara por quem ela suspira todas as noites o comparando ao merda que ela escolheu.

      Os seus genes?

      Que nada. Não são importantes.

      Eles que fiquem no seu saco para sempre.

      Excluir
    2. O colega Arlindão disse TUDO! Quase namorei uma dessas até perceber que tudo era o "cara", tudo era ele. Até meu cabelo ela queria que eu cortasse igual ao dele. Pior que ela já me conhecia há anos antes de foder com esse babaca. Por que preferiu ficar com ele? É uma vagabunda. Como são todas!

      Excluir
    3. Todos uns babacas, pois esquecem do principal que é a criança. Eu sou filho de mãe solteira e sei que minha mãe se equivocou, mas graças ao erro dela eu existo! Vocês se preocupam demais com a opinião dos outros, são uns babacas...

      Excluir
    4. Arlindao. Mandou bem na resposta. Ja cai na labia de msol. Realmente é desse jeito. Num primeiro momento vc parece ter tiradona sorte grande mas aos poucos a msol vai mudando e mostrando porque quer tua presença. Arrumar um pai e aproveitar ao maximo a grana que vc tem. Perdi seis meses daminha vida com uma msol. Depois pulei fora. Muitas mentiras e fiquei endividado pois queria fazer familia e a danada queria só dindin. Se aparecer msol na vida de vcs caiam fora enquanto é tempo. Mas se quiserem arriscar boa sorte.

      Excluir
  15. É complicado essa situação...
    Talvez a aceitação da crianças possa até não ser problema, como no meu caso. Gosto muito da filha da minha namorada e tal...
    Mas o grande problema é Tempo.
    Sair, namorar, etc...
    É difícil, pois o casal perde muito com isso...
    Por mais que haja compreensão, o homem acaba sentindo falta da presença, da atenção.
    Outro lado é que voce va ise dedicar inteiramente a alguem que nunca poderá retribuir o mesmo a você, pois sempre terá como prioridade o filho.

    Não acho justo julgar um cara que opta por não se relacionar com uma mãe solteira, porque se voce não estiver realmente preparado, acaba sofrendo muito por gostar de alguem e ter milhares de dificuldades pela frente.

    ResponderExcluir
  16. "Sempre, sempre mesmo, que tiver que fazer uma escolha, ela vai beneficiar o filho, mesmo que isso prejudique o homem que ela ama. "

    também jah senti isto na pele. mulher com filho é 1/2 mulher. tanta bubú no mundo pra se fazer um filho!

    ResponderExcluir
  17. antigamente os filhos eram o objetivo de constituir família. hoje em dia é um colateral de baladinha de pessoas de cabeça de josta, homens e mulheres!

    ResponderExcluir
  18. "tanta bubú no mundo pra se fazer um filho!"

    .. melhor ainda se deixar pra outro criar!

    ResponderExcluir
  19. O pessoal já disse tudo.Nem vou comentar.Mas tem vários problemas: Ela vai dar 90% do amor,tempo e dedicação dela pra um filho que ela tem com outro cara. Que provavelmente ela ainda é apaixonada por ele.Se fosse um filho comigo eu ia achar lindo ela se dedicar e eu perder passeio,sexo e carinho.Afinal ela estaria cuidando da nossa descendência em comum.Eu me sentiria como um bobo dando amor e recebendo muito pouco em troca.Afinal(deixando a hipocrisia de lado) a vida é feita de trocas.A criança na maioria das vezes vê o cara como um intruso(principalmente se for menino) e realmente ele é um intruso.DNA estranho à família.Intruso que está separando a mãe dele do tão amado pai.Espera ele entrar na adolescência pra ver só.Ele vai até querer te bater.Já se for menina é mais tranquilo.São mais carinhosas com o padrasto.Elas podem rivalizar e infernizar apenas as madrastas.Existe 2 tipos de homem:O ALFA que é machão, forte, alto,bonito,bom de papo,inteligente,carismático,ciumento,egoísta,mulherengo,possessivo,bom de cama,rico,de carrão,admirado por todos etc...É com esses caras que a mulher está biologicamente,geneticamente,evolutivamente e historicamente preparada para procriar.Eles tem genes bons,genes vencedores,são o supra-sumo do macho humano.Elas fazem filhos com esses mesmo sabendo que é difícil segurar um cara desses.Depois eles as largam e pagam uma pensão por mês,fazem umas visitas a criança e quem sabe até a moça apaixonada.rs... O outro homem é o beta (nada que é beta presta já notaram?) Ele é bom,honesto,respeita as mulheres,ama a mãe,bom filho,não discute,não trai,é amigo,sozinho, carente etc...Esse homem senhores e senhoras é simplesmente ignorado pelas mulheres.Especialmente quando elas são jovens,bonitas e sem filhos.( tipo 18 aninhos). Invisível e ignorado pela garota pela qual ele sente sincero amor.E o pior de tudo é que a moça esta certa em ignorá-lo.Pelas leis da evolução está.Mas esse cara passa a ser interessante quando o ALFA some de campo e vai engravidar outras moçoilas lindas além mar( o ALFA também esta certo pois tem que cumprir com o seu papel biológico de disseminar bons genes pelo mundo) Agora ele assume a antes inatingível amada e ajuda a criar os filhos do alfa.Resultado: a natureza saiu no lucro.Mas na minha opinião não se deve chamar o cara de imaturo se ele não quiser assumir. Acho que a mulher está colhendo os frutos bons e ruins da liberdade sexual.Acho que ela deve aguentar as consequências como todo mundo nesta vida.Ela deveria por menos peso em cima do homem que assume o filho,ter seu próprio dinheiro,e ter o cara como apenas um namorado dela e amigo do filho dela.Não um pai.Pai a criança já tem.Pilantra ou não.Por favor moças acho até bonito e moderno relacionamentos assim,mas não coloca muita obrigação em cima do cara não.O filho é seu e do pai dele lá.O cara é apenas seu namorado e amigo da criança.Me desculpa. Não sou o dono da verdade.Posso estar errado ,mas essa é minha opinião pessoal hoje.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, vc resumiu de maneira completa tudo que precisava. Tive um relacionamento com uma mulher que tem um filho, e terminei porque não queria isso para minha vida. São mais situações de problemas que situações de felicidades. Isso é uma escolha e não ser imaturo, desculpe mulheres que foram imaturas foram vocês de transarem e engravidarem com um cara no mínimo que sabiam que não seria o seu homem.

      Excluir
  20. Kkk... adorei a estória da seleção natural!!!

    Se fosse um filho seu, não haveria questionamento sobre a mulher ser 100% dedicada ao filho.

    E vamos combinar: ninguém dedica-se 100% a ninguém.

    Se não é com o filho, será com amigas, familia e etc.

    Não é saudável uma relação com 100% de dedicação...

    Tudo que é demais não é legal.

    A questão é: não queremos alguém para assumir nossos filhos, pois optamos em assumi-los sozinhas desde o inicio.

    Agora, se um cara bacana quiser agregar à família que já somos, seja bem vindo!

    Mas o que mais me intriga são esses anônimos que vem até o site e falam "vagabundas que engravidaram de propósito" e etc...

    E se fosse você? Na barriga, quero dizer.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ''A questão é: não queremos alguém para assumir nossos filhos, pois optamos em assumi-los sozinhas desde o inicio.''
      estou vendo pela reportagem ai embaixo. no comeco eh meu bem, depois eh meus bens.

      Excluir
  21. Justiça catarinense condena padrasto a pagar pensão para ex-enteada

    Renan Antunes de Oliveira
    Do UOL, em Florianópolis

    A juíza Adriana Mendes Bertoncini, da 1ª Vara de Família de São José, na Grande Florianópolis, ordenou que um homem que se separou de sua companheira em fevereiro de 2011 deve pagar pensão de 20% de seus rendimentos à ex-enteada, filha de um casamento anterior da mulher.

    A decisão é controversa, não tem precedentes na Justiça e está amparada apenas numa liminar --o padrasto afetado pela medida pode recorrer.

    O homem é um engenheiro de 54 anos. A mãe, de 41, propôs a ação, em favor da filha de 16. O casal manteve 10 anos de união e se separou em fevereiro do ano passado.

    A decisão da juíza é baseada no conceito da "paternidade socioafetiva", aquela em que o pai é quem cria, e não o biológico.

    Para a juíza, o engenheiro criou laços com a família ao incluir mãe e filha como dependentes no imposto de renda e pagando todas as despesas delas.

    A garota já recebe uma pensão do pai biológico. A juíza disse na sentença que não importa este auxílio, determinando que o padrasto "continue a contribuir para suas [da menina] necessidades básicas devido ao elo afetivo existente entre eles".

    A juíza viu no fato de o padrasto ter pago a escola da menina outra "prova da paternidade socioafetiva". A liminar que obriga o pagamento da pensão foi dada apenas sob requerimento da mãe --o engenheiro não foi ouvido nesta fase do processo.

    A mãe caracterizou na ação que o companheiro participava do Dia dos Pais na escola e nas festas familiares, e não o pai biológico.

    O padrasto fez um último pagamento para a menina e a mãe em março do ano passado, depois da separação, mandando as duas para a Disney.

    A juíza Adriana disse hoje que não comentará mais o processo porque ele está sob segredo de Justiça, impedindo a divulgação dos nomes dos envolvidos.

    ResponderExcluir
  22. Facil pra vocês falarem. Terminei um relacionamento de 3 anos com uma moça que tinha um filho de um outro relacionamento. De fato, é dificil aceitar, mas ela tornou a situação insustentável: Ela não queria mais filhos!
    Entao o namoro e noivado foi decaindo até terminar e minha frase moral da historia pra ela foi: Você quer que eu aceite sua filha mas você não aceita o meu que ainda vive no meu saco?

    Mãe solteira, nunca mais.

    ResponderExcluir
  23. Se não assumir filhos dos outros é falta de maturidade então eu quero morrer sendo uma eterna criança!

    ResponderExcluir
  24. Depois de ler tantos comentários fiquei estupefacta com tanta barbaridade proferida. Mãe solteira é uma MULHER como qualquer outra e não é por ter tido uma gravidez que o físico modifica ou fica flácido. Há muitas mulheres sem filhos que são vadias e vagabundas e sem princípios, não é por serem mães que são menos que as outras ou têm que ser rotuladas. E muitos falam de que estas mães procuram quem sustente ou aperfilhe os filhos e acho que eHá muitas mães que ficam com o mesmo corpo e pele ou ainda melhor. É de lamentar que em pleno século XXI ainda haja este tipo de pensamento e preconceito. Aqueles que julgam que estas mães procuram quem sustente os seus filhos ou assuma o papel de "pai" estão muito enganados, pois mãe que se preze tem capacidade de sustentar os seus filhos e os filhos tem seus respectivos pais, quer sejam presentes ou não. Mãe solteira tal como toda a mulher procura amor e companheirismo. Eu já não chamo imaturidade a estes homens que pensam desta forma mas sim preconceituosos, é por isso que este Mundo nunca irá evoluir, com gente tão mesquinha e pequena de cérebro. Enfim, cambada de infelizes e ocos.

    ResponderExcluir
  25. Quando digo "uma das partes sempre faz pouco sentido", significa que eu nunca meteria a mamadeira num filho de uma mulher que eu não pudesse confiar plenamente...

    é complicado logo na arrancada... cada caso tem de ser analisado isoladamente, isso requer tempo e disposição.

    já tive relacionamento com mãe solteira e seu filho de 5 anos, a coisa foi bem travada, e acabou em poucos meses. nunca me senti à vontade porque ela dava prioridade em dar colo para o filhinho... ela era um anjo alado na cama, mas sua mente se dissipou tanto que nem emprego conseguiu, e acabou perdendo a guarda do filho e a pensão.

    eu fico pensando que FDP pode ser um "homem" em abandonar uma linda mulher com 3 filhos!!! isso sim, um puta de um canalha desertor.

    de qualquer forma não é uma generalização. é um risco, assim como é um risco qualquer relacionamento.





    ResponderExcluir
  26. ( Tudo bem que nós mulheres somos seres humanos mais evoluídos e acreditamos que pessoas agregam. Ao contrário dos machos que vêem em nossos filhos motivos de exclusão. )

    É MOTIVO DE EXCLUSÃO MESMO, EU QUE NUNCA ME RELACIONARIA COM A PORRA DE UMA MÃE SOLTEIRA, VAI COLOCAR FILHO PRA PQP ASSUMIR, EU MESMO CORRO DE MULHER COM BRINDE.

    ( Neste momento deixamos de ser o objeto de desejo do Fulano e nos tornamos apenas “mãe de um filho de outro cara”. )

    É EXATAMENTE ISSO QUE EU PENSO DEPOIS QUE DESCUBRO DO BRINDE KKKKKKKKK
    ME CONHECE DE ONDE ?

    (
    Mas, vamos combinar: - se você tem um paquera que acha que seu filho é um problema, dá um pé na bunda do infeliz e manda pra terapia ou pra vida, pois tá precisando amadurecer um pouco – ou muito )

    E AMADURECER É O QUE ? ASSUMIR FILHO DE OUTRO MAXO, ASSUMIR QUE O EX, JA FEZ DE TUDO COM ELA E COMO SE NAO BASTA-SE AINDA TEVE UM FILHO ? KKKKKKKKKKK
    BELO AMADURECIMENTO KKKKKKKKKKKKKKK
    EU JA ME CANSEI DE FICAR NESSA PORCARIA DE BLOG, NÃO VOU PERDER TEMPO COM MÃE SOLTEIRA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  27. O cara ter que assumir a gozada de outro é foda! E o pior de tudo é elas acharem que tem razão querendo que o candidato a otário segure todo o fumo no rabo de tabela. Tão de palhaçada né?!?!?!?

    ResponderExcluir
  28. meu nome é Renato eu não enxergo isso e outra assumia quantos filhos de outro fosse seja 1,2,3 ou 9 o que importaria pra mim era a felicidade da mulher e dos filhos porque se eles tivessem felizes,feliz por tabela ficaria e ouso até dizer que mesmo se ela engravidasse de outro estando comigo assumiria pois isso denota em minha concepção,ato de amor e carinho pra com o próximo e que do mais,seria gostoso ver os filhos crescerem e chamando de pai nossa e se eles tivessem contato com o pai de sangue lhes ensinaria a ser sempre atenciosos com eles para que a harmonia sempre pudesse permear entre todos nós

    ResponderExcluir
  29. Relacionamento com mãe solteira é muito complicado! Se elas na hora que estavam virando os oios pensasse nas consequência que aquilo poderia dar pra elas, elas iam pensar duas vezes antes de fazer! Agora depois do leite derramado vem cheias de argumentos se fazendo de vitima etc! Para o homem começar uma relação com mãe solteira ao meu ver, ele vai talvez deixar de lado muita coisa que ele passou a vida todo almejando para tentar se adequar aquela relação e isso frusta com o tempo! É o tempo todo engolindo sapo, coisas que ele não aceita etc pra manter a relação de pé, isso vai de contra a natureza do homem aceitar filhos dos outros! Os homens que aceitam uma relação dessa no fundo no fundo eles são frustado por não terem uma relação como eles queriam e ter que dividi a mulher dele com terceiros a vida toda complicado! E se o relacionamento não der certo? O homem corre o risco de ter que pagar pensão por ter criado uma relação socioafetiva com o filho já pensou nisso? Resumindo é uma gama de problemas que pode acontecer é complicado! É o que falo os discursos das mãe solteira não condiz com suas atitudes!

    ResponderExcluir
  30. sou mae tenho um filho lindooo de um aninho...eu me separei dele porque ele me estrupo, e batia no meu filho ele bebe muito alcoólatra hoje em dia é dificil encontar um homem por culpa das marca do meu passado ..MAIS UMA COISA EU DEIXO ESCRITO MEU FILHO VALE MUITO MAIS QUE UM HOMEM ...homem tem muito la fora mais filho so existe um....SI ALGUM DIA EU DECIDI PROCURO MINHA ALMA GÊMEA ELE VAI TER QUE ME ACEITA EU DO JEITO QUE EU SOU ,,ACEITA A GALINHA COM SEUS PINTINHOS.. MUITOS PADRASTO ACEITA A MULHER COM FILHOS PARA ESTRUPAR PODOFILOS ,,,FORA CUIDADO GENTE AQUI TEM VARIOS PODOFILOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Estrupo, podofilos...".Você é uma estupradora da língua portuguesa.

      Excluir
    2. Pois é... Se o cara era tão ruim assim porque você o escolheu não é mesmo? Nada de novo ao sol: vocês dando moral aos imprestáveis quando são jovens e sem filhos. Aí depois os que vocês consideravam frouxos ficam com a foda fodida.
      Seja mãe, faça disso seu projeto de vida e seja feliz.
      E aproveita o tempo livre pra estudar a Lingua Portuguesa. Vai fazer bem.

      Excluir
    3. separou pq estuprou,olha o tipo de gente com quem ela se relaciona,depois vem falar em machismo,maturidade,mae solteira tem q se fuder msm

      Excluir
  31. gente namorei uma mulher que tem um filho , foi muito bom aprendi muito com ela , mais sempre sofri com preconceito da parte dos meus pais , hoje não estou mais com ela , mais tenho seu filho como meu filho pois o amor vai alem do DNA se ama realmente , tudo supera , eu so não estou mais com ela por causa dos meus pais , hoje com 25 anos minha mente e outra , muito mais aperta pra esse tipo de situação , pois pai não e apenas que faz mais sim o que criar

    pois vale mais uma mulher com filho , matura do que novinhas que so querem putaria , se eu quiser putaria vou pro puteiro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, mano... Você está certo. Eu vivi isso e meus pais rinham preconceito. .. pois com a convivência isso mudou. Minha namorada eh linda e os filhos dela são loucos em mim. O pai deles paga a pensão direitinho mas eh meio ausente. Eu tenho certeza q ao invés de perder, ganhei e ainda estou ganhando muito amor e experiência por ter passado por cima do preconceito. E inclusive ter essa atitude faz com que mudemos o conceito de pessoas que tem preconceito e essas passam a ver o mumdo com outros olhos.

      Excluir
  32. oi sou angela tenho 35 anos e tenho um filho piqueno de um um ano e meio..procuro um homem maduro na faixa entre 50 e 70 anos..branco trabalhador ..com ou sem filhos que me aceite do jeito que eu sou..sou morena da cor parda quero forma uma familia......mais detalhe no meu imail....morena7813@hotmail.com

    ResponderExcluir
  33. oi sou angela tenho 35 anos e tenho um filho piqueno de um um ano e meio..procuro um homem maduro na faixa entre 50 e 70 anos..branco trabalhador ..com ou sem filhos que me aceite do jeito que eu sou..sou morena da cor parda quero forma uma familia......mais detalhe no meu imail....morena7813@hotmail.com

    ResponderExcluir
  34. tem que ser muito otario para assumir o filho dos outros o cara nao fez o filho e vai ter que segurar o b.o porque??por causa da mae?uma mulher que exigir que um cara assuma o filho dela com outro só para ficar com ela e muito egoista e muitas vezes quando o cara assumi o filho ela acaba voltando para o verdadeiro pai da criança ai o trouxa que cuidou,deu atenção,amor e carinho fica na merda e o pai biologico volta e vê o filho ja criado e fala eu tenho direito porque sou pai. e fala tambem valeu otario por cuidar do meu filho.

    ResponderExcluir
  35. ja notaram que mulher nao engravida de home timido, feio, pobre, baixinho, etc.................e ja notaram que quem cria os filhos de mae solteira sao os timidos, feios, pobres e baixinhos..

    ResponderExcluir
  36. isso e independente o que fode mesmo e que tem mulher que exige que o cara assuma o que ele não fez.

    ResponderExcluir
  37. Namoro um homem com 3 filhos, eles ficam com ele finais de semana alternados, não convivo muito com eles, os finais de semana que ficamos todos juntos me mostrou certas verdades:

    1- Os filhos são e sempre serão prioridade, e tudo bem, se ele fez os filhos, que eles sejam prioridade;

    2- Não me meto na educação, pois com a idade deles, já estão com a mente formada, não concordo em absoluto como criaram os 3, não tem auto estima, organização, gosto por leitura, enfim, foram criados da forma mais indolente possível, mas isso diz mais sobre meu namorado e a ex dele, pessoas que claramente não deviam ter procriado;

    3- Não passo mais final de semana junto, pois o pai inconsciente ou conscientemente começa a me empurrar responsabilidades que são dele: fazer comida, lavar louça, pra cima de mim não jacaré, quem pariu Mateus que o embale, sendo assim não vou mais, eles que se virem no ninho de rato;

    4- Tenho meu apartamento, no começo do namoro (só fui conhecer os filhos dele com 1 ano de namoro) queria que ele morasse comigo, agora não quero nem por decreto, só de imaginar meu apartamento com 1 criança mimada de 10 anos, um adolescente molenga de 14 anos e um marmanjo vadio de 20 anos, me dá calafrios, pensa numa galera porca, que não lava nem um copo que usa... Sendo assim, ficamos cada um no seu apto, é uma beleza.

    ResponderExcluir
  38. Isso pra mim e uma falta de vergonha dos dois que germinaran e que que o otario aceite ja que tao junto alem de separa nao some no mundo isso e uma falta de respeito elas falam do tempo de hoje mas naqueles tempo nao tinha essa tao falta de vergonha dos dois pois passo po isso e nao aguentava mais essa ladainha todo dia agora moro so e to mais feliz

    ResponderExcluir
  39. A pior besteira que o cara fas e namora cazar com mae solteira vai criar se esforça se dedica pelo filho dos outros vai servir de pai so pra tudo de bom e do melhor pro filho dela ai mais quando ele fiser alguma coida errada o cara nao vai poder da bronca nem bota de castigo porque a mae vai acha ruim e fecha a cara e fala que vc nao e o pai
    O cara vai ser so pai de fachada esse e um de muitos motivos de eu nao querer mae solteira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disse tudo! Como muito se fala e é verdade: "assumir mãe solteira é como chegar quando a festa já acabou e ter que limpar a bagunça". Trouxa e muito imbecil do homem que se casar com uma mãe solteira. Este é imaturo, ao invés de de maduro. Geralmente o homem que é livre e desimpedido e não tem filhos, só assume mãe solteira pq o mesmo é quase inexperiente ou sem nenhuma experiência com mulheres, se tornando alvo fácil pelo medo de envelhecer sem ninguém e nunca ter filhos ou ficar pra titio. "Homem de verdade" o infeliz que assumir mãe solteira está longe de ser. Pois homens de verdades não são frouxos pra se sujeitar a assumir a prole alheia, pois isso é um tanto humilhante como chega até ser imoral. Todo homem honrado deve casar-se com uma mulher livre e desimpedida igual a si.

      Excluir
  40. Taxar os homens de preconceituosos e machistas são só algumas de muitas artimanhas que as mães solteiras usam para fisgar trouxas. Mãe solteira é difícil de arrumar namorado porque homens espertos não ficam.

    ResponderExcluir
  41. Não consegui editar,corrigindo em cima:O fato do homem ser bonzinho,carente,NAO significa que ele seja idiota.... Só mais uma coisa,qdo a mulher fala que o ex não presta, é isso ou aquilo,vale lembrar que foi ela que escolheu aquele homem, baladeiro,bêbado,irresponsável...

    ResponderExcluir
  42. É PORQUE ELAS ABREM AS PERNAS PRA UM VAGABUNDO ESPERTÃO E DEPOIS QUEREM ACHAR UM COITADO PRA CHAMAR DE MARIDO E CUIDAR DO "BASTARDO" QUE ELAS FIZERAM INCOSEQUENTEMENTE. PORQUE NÃO PENSA ANTES DE ABRIR AS PERNAS? AÍ O CARA QUE COMEU NÃO QUER ASSUMIR, DESAPARECE E FICA MAIS UM COITADO NO MUNDO SEM PAI, ATÉ APARECER UM "PADRASTO" PRA DAR A FIGURA MASCULINA PRA UMA VAGABUNDA DESSA.

    ResponderExcluir
  43. Eu não entendo porque mães solteiras ficam se fazendo de vitima querendo que homens SEM FILHOS as aceitem como se fosse a coisa mais normal do mundo.
    Está cada vez mais comuns jovens engravidando de cara que não presta. A história é sempre a mesma...na hora do imediatismo e do desejo o cara era bom. Depois que engravida ele não presta, era cafajeste, não valia nada...etc. Nunca tem história de mãe solteira bonita que gostava de uma balada que engravidou de um cara legal, decente, bonzinho, dedicado. Já reparou?

    O homem ideal é um pai solteiro ou um cara mais velho com bom poder aquisitivo. Existe sim o risco do cara ter prejuízo num relacionamento e acabar tendo que pagar pensão pra mãe e pros filhos que nem são dele por causa dessa porcaria de justiça.

    O homem sempre sai mais prejudicado financeiramente e emocionalmente em um casamento. Por isso precisa pensar muito antes de assumir uma mulher com brinde.

    Parem de ser egoístas e de achar que podem escolher quem vocês quiserem só porque são bonitas. Aceitem que a gravidez vai reduzir muito os candidatos a relacionamento sério. Antes vocês podiam escolher o cara que quisessem, mas agora infelizmente o erro vai ter preço. Aceitem que dói menos e parem de mimimi vitimas coitadinhas.

    Mulheres, na hora do tesão lembre que a camisinha pode furar e além de filho pode vir DST, então aprendam a ser um pouco mais seletivas pra não terem que casar com aqueles que vocês sempre desprezavam só porque agora tem menos opções.

    E não se iludam, a maioria só vai querer pegar vocês mesmo porque todo homem sabe que mãe solteira é mais carente e mãe solteira que vive enchendo a cara na balada eu nem preciso comentar né?

    ResponderExcluir

Meta a mamadeira!